A Urbe Amazônida

Capa
Garamond, 03/07/2018 - 88 páginas

 Neste livro, que culmina mais de quatro décadas de pesquisas sobre a região amazônica, Bertha Becker aborda uma questão crucial: por que os núcleos urbanos, tão intrínsecos ao processo de sua colonização, não promoveram o desenvolvimento da Amazônia? Para respondê-la, reexamina a história das origens das cidades amazônicas à luz das teorias de Jane Jacobs sobre as cidades como motores do crescimento econômico e de Peter Taylor com respeito às relações entre cidades e destas com os lugares centrais.


Opinião das pessoas - Escrever uma crítica

Não foram encontradas quaisquer críticas nos locais habituais.

Outras edições - Ver tudo

Informação bibliográfica