A busca da Africa no candomblé: tradição e poder no Brasil

Capa
Pallas, 2005 - 375 páginas
Escrito à luz de detalhado percurso etnográfico demarcado pela figura de Exu ao longo do século XX no Brasil, este livro apresenta e discute argumentos com base não só na observação participante, mas também em entrevistas e em detalhada documentação iconográfica. Como tema central desses argumentos, as relações de poder na construção da legitimidade nos cultos afro-brasileiros, desembocando na demonstração da irredutível e histórica constituição mútua entre a 'tradição dos orixás' e seus 'antropólogos'. O livro traz os seguintes temas - Primeira parte - As metamorfoses de Exu - O mensageiro dos deuses - Exu nos cultos afro-brasileiros; Os espíritos das trevas - Exu e Pombagira na umbanda; Segunda parte - A prática ritual - O continuum religioso; A reorganização do espaço sagrado; O poder contestado; Terceira parte - A construção da tradição - Exu e os antropólogos; Em busca das origens perdidas; qual África? Qual tradição?; Conclusão; Referências bibliográficas; Glossário.

Opinião das pessoas - Escrever uma crítica

Não foram encontradas quaisquer críticas nos locais habituais.

Informação bibliográfica