Pesquisa Imagens Maps Play YouTube Notícias Gmail Drive Mais »
Entrar
Livros Livros
" No mais interno fundo das profundas Cavernas altas , onde o mar se esconde... "
Os Lusiadas - Página 207
por Luís de Camões - 1882 - 457 páginas
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas: poema epico de Luis de Camões

Luís de Camões - 1823 - 394 páginas
...Está d'ontro poder que tndo doma. Do Olympo desce em fim desesperado, Novo remedio em terra husca, e toma; Entra no humido reino, e vai-se á corte Daquelle a quem o mar cahio em sorte. vni. No mais interno fundo das profundas Cavernas altas , onde o mar se esconde, Lá donde as ondas...
Visualização integral - Acerca deste livro

Obras completas de Luis de Camões, correctas e emendadas pelo cuidado e ...

Luís de Camões - 1843 - 454 páginas
...fazer de Lisboa nova Roma: Não no pôde estorvar, que destinado Está d' outro poder que tudo doma. Do Olympo desce em fim desesperado, Novo remedio em terra...busca e toma; Entra no humido reino, e vai-se á corte DaqueUe a quem o mar cahio em sorte. VIII. No mais interno fundo das profundas Cavernas altas, onde...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas poema epico de Luis de Camões: restituido a' sua primitiva ...

Luís de Camões - 1846 - 636 páginas
...remédio em terra busca , e toma ; Entra no húmido reino, e vai-se á corte D' aquelle a quem o mar cahiu em sorte. VIII. No mais interno fundo das profundas Cavernas altas , onde ornar se esconde, La d' onde as ondas saiem furibundas , Quando ás iras do vento o mar responde ,...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas, poema epico de Luis de Camões

Luís de Camões - 1865 - 562 páginas
...fazer de Lisboa nova Roma; Não no póde estorvar, que destinado Está d'outro poder que tudo doma. Do Olympo desce em fim desesperado, Novo remedio em terra busca, e toma; Kntra no humido reino, e vai-se á corte Daquelle a quem o mar cahio em sorte. 15 VIII No mais interno...
Visualização integral - Acerca deste livro

Obras de Luiz de Camões: Os Lusiadas. Estancias desprezadas. Lic̜ões varias ...

Luís de Camões - 1870 - 642 páginas
...fazer de Lisboa nova Roma: Não no póde estorvar, que destinado Está d'outro poder, que tudo doma. Do Olympo desce em fim desesperado, Novo remedio em terra busca e toma; Entra no humido reino, c vai-se á corte Daquelle a quem o mar cahio em sorte. VIII No mais interno fundo das profundas Cavernas...
Visualização integral - Acerca deste livro

Camões e os Lusiadas

Joaquim Nabuco - 1872 - 310 páginas
...divindade marítima é descripto com esmero pelo nosso poeta. São cidades phantasticas que acreditamos ver No mais interno fundo das profundas Cavernas altas, onde o mar se esconde. . . As aguas formam a transparente abobada d'esse mundo encantado ; todos os edifícios são feitos...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusíadas: los Portugueses

Luís de Camões - 1873 - 282 páginas
...de Lisboa nova Roma : Nao o pode estorvar , que destinado Está d' outro poder , que tudo doma. Do Olympo desce, em fim, desesperado: Novo remedio em...mar cahio em sorte. VIII. No mais interno fundo das profundos Cavernas altas , onde o mar se esconde; Lá donde as ondas sahem furibundas, Quando ás iras...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas de Luiz de Camões, Volume 3

Luís de Camões - 1873 - 290 páginas
...fazer de Lisboa nova Roma: Não no pôde estorvar, que destinado Está d'outro poder, que tudo doma. Do Olympo desce em fim desesperado. Novo remedio em terra...vai-se á corte Daquelle a quem o mar cahio em sorte. 8 No mais interno fundo das profundas Cavernas altas, onde o mar se esconde, Lá donde as ondas sabem...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas de Luiz de Camões

Luís de Camões - 1874 - 388 páginas
...pode estorvar, que destinado Está d'outro poder, que tudo doma. Do Olympo desee em fim desesperado, 6 Novo remedio em terra busca e toma; Entra no humido reino e vai-se á corte Daquelle a quem o mar cahiu em sorte. IV 2. Frotas (BR) 4. baroes (BR) Reino (BG) Estado (G). 5. sprito (B) esp'rito (MS)...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas de Luiz de Cam#E4oes: Unter vergleichung der besten texte : mit ...

Luís de Camões - 1874 - 374 páginas
...Olimpo (BJ dece (¡f). 7 Reino (G) Corte (BG) — Auf Str. VII folgt im I Mse die nachstehende: V. VIII. No mais interno fundo das profundas Cavernas altas, onde o mar se esconde, H La donde as ondas sahem furibundas, Quando as iras do vento o mar respondo, Neptuno mora, e moram...
Visualização integral - Acerca deste livro




  1. A minha biblioteca
  2. Ajuda
  3. Pesquisa de livros avançada
  4. Transferir ePub
  5. Transferir PDF