Roteiro da viagem que em descobrimento da India pelo Cabo da Boa Esperança fez dom Vasco da Gama em 1497: Segundo um manuscripto coetaneo existente na Bibliotheca publica portuense

Capa
Typographia commercial portuense, 1838 - 183 páginas
2 Críticas
As críticas não são validadas, mas a Google verifica a existência de conteúdo falso e remove-o quando é identificado
 

Opinião das pessoas - Escrever uma crítica

Não foram encontradas quaisquer críticas nos locais habituais.

Páginas seleccionadas

Outras edições - Ver tudo

Passagens conhecidas

Página xxiv - Manifesto é que estes descobrimentos de costas, ilhas e terras firmes não se fizeram indo a acertar; mas partiam os nossos mareantes mui ensinados e providos de instrumentos e regras de astrologia e geografia, que são as cousas de que os cosmógrafos hão de andar apercebidos. Levavam cartas mui particularmente rumadas, e não já as que os antigos usavam, que não tinham mais figurados que doze ventos, e navegavam sem agulha».
Página 3 - ... agosto partimos em leste, e. hindo huum dia com sull quebrou a verga ao capitam moor, e foy em...
Página 11 - Ao sábado vieram obra de duzemtos negros antre grandes e pequenos e traziam obra de doze rreses antre boyes e vacas e quatro ou cinquo carneiros , e nos como os vimos fomos loguo em terra. E elles começaram logo de tanjer quatro ou cinquo frautas e...
Página 21 - ... pequenos, com que cobrem suas vergonhas, e os Senhores desta terra trazem estes panos maiores. E as mulheres...
Página 102 - E achamos nos davante huua cidade muito grande e de casarias sobradadas , e em meo da cidade tinha huus grandes paços , e arredor da cidade tinha quatro torres e estava esta cidade bem acaram do mar, a quall he de mouros e se chama Magadoxo ; e como fomos tanto avante bem junto com ella tiramos muitas bombardadas e fomos noso...
Página 39 - ... carta em que adoravam, em a qual estava debuxado o Espirito Santo. E depois de tudo visto, o rrey mandou mostras de cravo e pimenta e gingivre e de triguo tremes ao capitam, e que disto poderiamos carregar.
Página 19 - ... elles tinham, e segundo nos parecia que seria o rrey daquella terra, e quando chegaram ao porto onde os barquos estavam já vinham com elles bem duzentos homens que vinham a vellos. Esta terra, segundo nos pareceo, he muito povoada, e ha nella muitos senhores, e as molheres nos parecia que eram mais que os homens, porque onde vinham vinte homens vinham quorenta molheres. E as casas desta terra sam de palha, e as armas desta jemte sam arcos muito grandes e frechas e azagayas de ferro. E...
Página 100 - ... trinta homes , afora outros tantos que já eram mortos , e os que navegavam em cada naoo seryam sete ou oyto homens...
Página 32 - ... taboado basto, atado .em maneira que os que estavam detrás delle nam os podyamos ver, e elles andavam ao longo da praia com tavollachinhas, azagaias, agomias, e arcos e fundas, com que nos tiravam às pedras.
Página 153 - Cuama velho; donde parece que todos estes rios tomárão nome de Rios de Cuama. O braço menos principal se chama Rio de Quilimane, ou Rio dos Bons Signaes; nome que lhe pôz Dom Vasco da Gama, quando a elle chegou, indo no descobrimento da índia, pelas boas novas e signaes que nelle achou — Este rio tambem lança de si outro braço muito grande, a que chamão o rio de Linde.

Informação bibliográfica