Imagens das páginas
PDF
ePub
[ocr errors][ocr errors][merged small][merged small][ocr errors]

200 homens, que escolheo, e a que Era vulg
pagou com muitas mulheres para as
cafar nas Molucas, e multiplicarem o
Povo; com todos os inftrumentos de
cultivar a terra, para fazer a Colonia
florefcente por meio da induftria, que
nella fe neceffitava.

Nao obftante pertencerem os fucceffos do Galvao nas Molucas aos annos feguintes, eu me refolvo a tratallos no Capitulo II. No fim defte tecerei o feu elogio, resumirei as fuas façanhas, direi delle, que com 150 Por-tuguezes triunfou de oito Reis colligados: que lhes desbaratou Exercitos numerofos, queimou Armadas formidaveis, tomou defpojos preciofos: que com corage igual derrotou a aftucia dos Reis de Moro, de Java, de Banda, de Amboino, obrigando eftes Principes a reconhecerem as armas de Portugal por tutelares dos feus Dominios que unindo o ardor militar ao zelo pio, era ao mesmo tempo. Capitao, e Catequista, taõ vigilante em augmentar o Estado para intereffe do Principe, como em avançar o Domi

[ocr errors]

Era vulg. nio da Igreja para gloria de Deos: que para confeguir efta fegunda empreza fagrada, e heroica derrubou muitos Pagodes, erigio Templos, arrafou Idolos, levantou Altares: empreza tanto fua, que defpendeo nella fetenta mil cruzados da fua fazenda. Á fua cufta fez Antonio Galvao o famofo Seminario para nelle ferem educados nos Dogmas Catholicos os filhos dos Infieis. Elle confeguio que dous Reis das Molucas com as fuas familias, e grande número de vaffallos abjuraffem os delirios de Mafoma, e bufcaffem a regeneraçao da alma nas aguas faudaveis do Baptifmo.

Antonio Galvao tinha o efpirito taố levantado fobre as coufas da terra, que defprefou generofo a Coroa de Ternate, que lhe offerecêrao; mais attento a fer vaffallo fiel do feu Principe natural, que a deixar-fe levantar Rei de gentes eftranhas. Elle efcolheo para baze firme da fua gloria opprimir a iniquidade, fazer triunfar o merecimento, nao offender os generos de justiça. Efte homem maior, do que eu o pinto,

aca

acabado o feu governo voltou para Por Era vulg tugal; e quando Vicente da Fonceca, e Triftao de Ataide, que nao deviao efperar fenao caftigos á proporção dos feus crimes achavao o meio de se justificar, e avançar-fe, porque erao ricos, Antonio Galvao, digno de todas as recompenfas, que foi devia receber premios correfpondentes ás fuas heroicas virtudes, parecia hum Réo, atrazado a todos, porque o ferviço de Deos, e do Rei o fez pobre. Os auvidos, os corações da Corte todos fe fecháraó ás vozes da mendicidade do homem illuftres, que pedia, por nao ter que dar. Elle fe eftimou na Pátria feliz, quando achou o azilo de hum Hofpital, aonde fe vio reduzido á miferia de affiftir defafete annos aos enfermos para fuftentar a vida com extrema parcimonia, fem que já mais a relevancia dos feus ferviços fizeffe nafcera idéa de fer arrancado hum Heroe das mãos do abatimento viliffimo. Depois de morto achou na Confraria da Corte a Caridade de lhe dar de efmola huma pobre mortalha, e de lhe fa B

TOM.XIII.

zer

9

Era vulg. zer hum enterro com pompa bem igual ao faufto dos ultimos annos da fua vida. Efte foi o fim de Antonio Galvao, que a nao ter todas as recomendações no feu merecimento merecia a lembrança, de que era filho de Duarte Galvao, Embaixador d'El Rei D. Manoel ás Cortes de Roma, Paris, Viena, e Ethiopia, ultima jornada da fua vida, que veio acabar com mais de 80 annos na ilha de Camarao; Chronista mór do Reino; na fua peffoa, na de feu Pai Ruy Galvao, digno de que fe transfundiffem as fuas honras no filho neto de tao benemeritos avô, e Pai. Mas que mais ha de vantajolo para infpirar o defprefo da ferviço dos homens? Efta pergunta faz hum grave Hiftoriador Francez acabando de de-buchar a imagem de Antonio, Galvað, qnando Governador das Molucas, quando Servente do Hofpital, quando morto em miferia fumma. Elle erê que tudo forao acções da Providencia para tecer mais preciofa a Coroa defte Predeftinado. Manoel de Faria e Soufa navegando por outro rumo na Afia Por

e

2

BU

[ocr errors]

G

tugueza, diz do noffo Heróe. Para lo Era vulg de la fama el ferá claro, mientras durare el mundo, porque en ella no tienen jurifdicion ni los Reies floxos, ni los Miniftros malos, ni la fortuna ciega, ni las edades caducas.

11

[ocr errors]

CAPITULO II.

Trata-se o governo de Antonio Galvaỡ
nas Molucas e outros fucceffos
da India no anno de 1537.

Q

2

UANDO Antonio Galvao navega- 1537. va de Cochim para Malaca e desta Cidade pelo rumò de Borneo para a ilha de Ternate, chegárao as náos, que o anno paffado de 1536 fahíraổ do Reino, e ardia furiofa a guerra do Idalcao, fomentada por Acedecao, fobre o dominio das terras firmes de Salcete. A Efquadra do Reino era compofta de cinco náos, commandadas por Jorge Cabral, que trazia ás fuas ordens os Capitães Vicente Gil, Gafpar de Azevedo, Ambrofio do Rego Bij

"

Duar

« AnteriorContinuar »