Pesquisa Imagens Maps Play YouTube Notícias Gmail Drive Mais »
Entrar
Livros Livros
" Oh que victoria a tua, oh que valor, Contra um corpo tam tenro e tenros annos Inda pediste ajuda ao cego Amor! "
Historia dos quinhentistas - Página 127
por Teófilo Braga - 1871 - 328 páginas
Visualização integral - Acerca deste livro

Historia da litteratura portugueza, Volume 1

Joaquim Theophilo Braga - 1871 - 320 páginas
...morte do principe, que os chronistas calaram; falando do cruel fado que o levou, diz : Oh que victoria a tua, oh que valor, Contra um corpo tam tenro e tenros...abandonara as riquezas e fausto para viver tranquillo na solidãj. No anno seguinte, em 1555, foi a morte de sua mulher; o sentimento que lhe causou a perda...
Visualização integral - Acerca deste livro

Poesias de Francisco de Sâ de Miranda

Francisco de Sá de Miranda - 1885 - 1118 páginas
...noite escura, Porque contra nos tanto te assanhaste? 466 Meteste a nua negra sepultura. Oh que vitoria a tua ! oh que valor ! Contra um corpo tam tenro e tenros anos, Inda pediste ajuda ao cego Amor. Oh mundo tudo vento e tudo enganos, 55 Que é de aqueles triumphos,...
Visualização integral - Acerca deste livro

Poesias de Francisco de Sá de Miranda

Francisco de Sá de Miranda - 1885 - 1128 páginas
...criatura Que nunca entre nos houve, ah grave dor, 50 Moleste a nfla negra sepultura. Oh que Vitoria a tua! oh que valor! Contra um corpo tam tenro e tenros anos, Inda pediste ajuda ao cegó Amor. Oh mundo tudo vento e tudo engaños, 55 Que é de aqueles triumphos,...
Visualização integral - Acerca deste livro




  1. A minha biblioteca
  2. Ajuda
  3. Pesquisa de livros avançada
  4. Transferir ePub
  5. Transferir PDF