Pesquisa Imagens Maps Play YouTube Notícias Gmail Drive Mais »
Entrar
Livros Livros
" Por amor de mi[m], que às mulheres dessa terra digais de minha parte que, se querem absolutamente ter alçada com baraço e... "
Obras completas de Luis de Camões, correctas e emendadas pelo cuidado e ... - Página 481
por Luís de Camões - 1843
Visualização integral - Acerca deste livro

Obras do grande Luis de Camões ..., Volume 4

Luís de Camões - 1815 - 442 páginas
...de hum rostinho de tauxia de huma Dama Lisbonense, que chia eomo pucarinho novo com agua , viendo-se agora entre esta carne de Salé, que nenhum amor dá de si; como naõ chorará Ias memorias de in illo tompore? Por amor de mi, que ás mulheres dessa terra digais...
Visualização integral - Acerca deste livro

Obras de Luiz de Camões: Vida de Luiz de Camões. Elogios dedicados a L. de ...

Luís de Camões - 1860 - 554 páginas
...Salé, que nenhum amor dá de si, como nam chorará Ias memórias do in illo tempore? por amor de mim, que ás mulheres dessa terra digais de minha parte,...que se querem absolutamente ter alçada com baraço, c pregão, que nam receem seis mezes de má vida por mar que eu as espero com precisão, e paloo, revestido...
Visualização integral - Acerca deste livro

Obras de Luiz de Camões: precedidas de um ensaio biographico no ..., Volume 1

Luís de Camões - 1860 - 572 páginas
...as falsidades de rostinho de tauxia de numa dama lisbonense, que chia, como pucarinho novo com agoa, vendo-se agora entre esta carne de Salé, que nenhum amor dá de si, como nam chorará -Ias memorias de in illo tempore? por amor de mim, que ás mulheres dessa terra digais...
Visualização integral - Acerca deste livro

Obras, Volume 1

Luís de Camões - 1861
...as falsidades de rostinho de tauxia de huma dama lisbonense,que chia, como pucarinho novo com agoa, vendo-se agora entre esta carne de Salé, que nenhum amor dá de si, como nam chorará las memorias de in illo tempore? por amor de mim, que ás mulheres dessa terra digais...
Visualização integral - Acerca deste livro

Obras de Luiz de Camões: Triumphos de Francisco Petrarca (traducc̜ão ...

Luís de Camões - 1864 - 488 páginas
...falsidades de hum rostinho de tauxia de huma dama lisbonense, que chia como hum pucarinho novo com agua, vendo-se agora entre esta carne de salé, que nenhum amor dá de si. Como não chorará las memorias de in illo tempore ! Por amor de mi, que ás mulheres d'essa terra digais da minha parte...
Visualização integral - Acerca deste livro

Historia da litteratura portugueza, Volume 11

Joaquim Theophilo Braga - 1873
...falsidades de um rostinho de touxia, de uma dama lisbonense, que chia como um puearinho novo com agua, vendo-se agora entre esta carne de salé, que nenhum amor dá de si.» Esta bella imagem do pucarinho novo já se encontra nos Cantos populares, como se pôde vêr nos Despiques...
Visualização integral - Acerca deste livro

Historia de Camões, Parte 1

Teófilo Braga - 1873
...falsidades de um rostinho de touxia, de uma dama lisbonense, que chia como um pucarinho novo com agua, vendo-se agora entre esta carne de salé, que nenhum amor dá de si. í Esta bella imagem do pucarinho novo já se encontra nos Cantos populares, como se póde vêr nos...
Visualização integral - Acerca deste livro

Garcia da Orta e o seu tempo

Francisco Manuel de Melo Ficalho (Conde de) - 1886 - 422 páginas
...falsidades de hum rostinho de tauxia de uma dama lisbonense, que chia como hum pucarinho novo com agoa, vendo-se agora entre esta carne de salé, que nenhum...como não chorará Ias memorias de in illo tempore!. . .» Esta opinião desfavoravel está de accordo com a que encontrámos na carta inserida por Jorge...
Visualização integral - Acerca deste livro

Obras completas de Luiz de Camões, Volume 2

Luís de Camões - 1912 - 532 páginas
...falsidades de hum rostinho de tauxia de huma dama lisbonense. que chia como pucarinho novo com água, vendo-se agora entre esta carne de salé, que nenhum...tempore ! Por amor de mi, que ás mulheres d'essa terra digaes de minha parte que se querem absolutamente ter alçada com baraço e pregão, que não receiem...
Visualização integral - Acerca deste livro

Gente d'algo

António Maria José de Melo César e Meneses Sabugosa (conde de) - 1915 - 350 páginas
...com «saudade de um rostinho de tauxia de uma dama lisboeta que chia como pucarinho novo com agua, vendo-se agora entre esta carne de salé que nenhum amor dá de si» ; refere se ao púcaro que Pêro de Mello deixou cahir quando dava de beber a EI-Rei D. João II, o...
Visualização integral - Acerca deste livro




  1. A minha biblioteca
  2. Ajuda
  3. Pesquisa de livros avançada
  4. Transferir ePub
  5. Transferir PDF