Imagens das páginas
PDF
ePub
[ocr errors]

propru 11.198

obim clos pro

ximios.

ýristo de

Princepe tem deixado (segundo pa, ajuda espiritual, que a elles se faz, de Copankia -552 rece) O padre Luis Gonçalves . Eu deve mais estimar , que je a outros 13.

certo,olhando vosos motivos, funda | \le fizese. E porqu:e de hem calo jul-
dos em hamildade, e em segurida-gueis ontro

, olhay se seria importante
de , que melhor custuma acharse no fruito de confesar el Rey,ter conclui-
baixo,que em o alco, nampolfo Senam (do o negocio do Patriarcha de Eilio
approvar voßa intençam,

& edifi- | \pia , importando tanto a salvaçam, carme della; mas tudo cēsiderado,me nam digo de muitas álmas

, Senam de persuado que nam acereaftes em call mur as cidades, & provincias ; & determinaçam , olhando o mayor fer-| |olhay que, ou confesseis a Sua Alicza viço, & gloria de nosso Senhor : pria walgum dervosontros,ou nam que nam meiramente, porque nossa profissàm, deixeis de lébrarlhe ofte negocio,nem Ce inftituto he de administrar os Saude escreverme d'elle (cada vez que cramentos da confissam,& commu- escreverdes a Roma)o que tendes feinham a todos os estados

, idades de 10. Mas tornando as causas porque homens, como ao muito baixo, nam deveis recuzar este aşı:mpro.di

Por figuridade
eambem ao muito alto, nos obriga a 1.80, que ainda a de vofjá seguridade
mesmarezàm da consolaçam, a me nam parecia relevâte, porą fenam je hal: deix.com
juda espiritual dos proximos : pois buscassemos outro fim , segundo nossa
Vendo tam particular a obrigaçam, profissam, senam andar seguros

,
que
tem toda esta companhia

, a sua hoivessemos de pospor o bem por aparIgnacio cófentia Alteza, desde sua origem, & prin- carnos longe dos perigos, nam haviaa elRey Dom cipio , sobre todos os Princepes mos de viver, conversar com os christãos

04 vejam as boas proximos : mas segundo nossa vocaobras, ou o amor » & charidade çam, conversamos.com todos , antes tam fingular, que mais que outras cous-' segundo dizia S.Paulo , a Omnia as deve reubar noßos animos; nam omnibus fieri debemus, ut om

I.ad Coř:9 fey que escusa pode ser bastante pera' nes Christo lucri faciamus ; & nam procurar de servir a suas. Alre- andando com intençam recta, & pu

em cousa tam propria de .noffa ra, b Quærendo non quæ noftra
profilam, donde mostram receberiam sunt,fed quæ lefu Christi;omesmo 1. ad Cor.
confolaza
çam espirituali, & contentsSenhor nos guardarà por suo bonda-

de infinita : & se ista profiffam nam
Pois fe fe attenta o bem unia romaße a sua conta sua poderosa
verfal, y mayor serviço divino , diffo màm,nam baftaria apartarnos de pe-
le segura mayor, em quanto'cu pollo rigos semelhantes, pera nam calir
senior em o Senhor porque do bem nelles,& em ourros mayores.
da cabeça s partičipam todos os mê 5

Pois o que as gentes pode-
bros do corpo;do bem do Princepe riam dizer , que quereis horras, &
eodos os subditos, em maneira que a! ! dignidades , calirà de subiro com a

for

Grandes obrigucoens,ques.

Ioam III.

[ocr errors]

0.19

zas:

b

C.13.1.5.

mento.

4

.

1552.

[ocr errors]

. Lindos S.LT A1110, que acei

Cimo os da Copanhia

[ocr errors]

he

Chriflo de força de verdade, o evidencia das i carta ; nam menos admiravel, Cãpanhia

obras, vendo que conservais a baixe- || que resoluta,& efficaz, com qué iz
za, que por Chrifto nosso Senhor roma-

ordenou aos dous Padres, que
ftes. Assim que pelo que se pôde di- aceitafsem o cargo de confeffo-
zer,ou cuyday do vulgo, māje hade dei- res do Augustiflimo Rey, & do
xar o que pode ser emmuto Serviço de Serenissimo Princepe, ensinan-
Deas nojo Senhor, y de Suas Al- || donos; que com titulo de pro-
tezas, bem câmum:& finamente veito proprio,nám havemos de
porque eu de huma vez

satisfaça em

deixar de procurar o bem dos esta parte a minha consciencia, vos proximos:Enganamse na Comwas in ooff- mando,em virtude da sánéta obedien- || panhia, os que com capa de te- jde procurare

e Gimfer cia,avès, y ao padre Luis Gonçală rem os subditos mais seguros bem dus pro. Vores del Rey ves,que façais a que Suas Altezas vos

em casa, os nam trazem occu-
mandarem nesta parte,hum de dous, pados com o proximo por fora;
le outro algum, entre os da Compa-

a nossa vocaçain nám
estarmos fechados nos Colle-

pera
phia, nam vos parecer a vosoutros,
que tambem agradaße a Suas Alce- gios

, he perà discorrermos pelo
zas, pera que romaße este carga, & mundo, como dizē nollas - Co-

Conft.p.o. confiados em a devina bondade

, que tituiçoens : o espirito da Com serà rudo peramayor bem, quanto

panhia he o que lhe deo sancto Homines succeder por esta via da obediencia: | ignacio, este bem se declara na O haveis de significar a Sua Aiteza

carta, que aqui lemos: se os in- parati esse

tentos forem buscarmos em tuo que fe vos ordenat, mostrando esta

do a mayor gloria divina, tam mesma letra, fe' a quizer ver S. Alte

per
za, y do menos dizendo a fumma seguros estamos nas praçás pu- mundi para
d'ella: & porque de outras cousas:ef=blicas, como nas selas fechadas; ress

ántes se tratarmos de veras de
creverà largo mestre Polanco, nam
direy outra, senam que em vossas cia por por obra o instituto proprio

da Companhia, & houver a de-
çoens,& facrificios muito me encon-
mendo , & rogo a Deos nesso Senhor fejada confiança da

parte dos.
a todos de sua graça comprida, pera

superiores, & fidelidade devida que sus fanétifsima vontade sempre | nos subditos , mais fantificados fincamos, & aquella interiormente | fahiremos de tratar com os pro

ximos em suas casas, que de nos cumpramos. De Roma, 1. de Feve

recolher com Deos em nossas
reiro de 1553

felás.
Voslo em o Senhor noflo
Ignacio.

7. E pera que entendamos

a celestial armonia, & espirito Esta foy a resolu am de de nosso sancto Fundador, com nosso glorioso Patriarcha, esta a a inelma efficacia , com que

cizin.s.

huius Socie tatis seper

isto

debent ad discurrēdű

9

6

mandou

-2.

; que este

Mto de mandou ao PadreDiogo Mirán cousa que o ferenissimo Intante Cépanhia

que aceitasse ser confeffor do muito desejava, por nos ter por 13.
Rey,nos prohibio sermos Inqui- companheiros, pelo grande a-

lidores do Reyno: o caso passou mor, que ja nos cobràra,& con1.lib. d'esta sorte. Na primeira parte ceito , que tinha de nossos pro

dislemos,como por intercessamcedimentos: & quem notar o
de S.Ignacio,&boa diligēcia do incomparavel amor
insigne Doutor Balthezar deFa- | grande Rey nos tinha, como
ria, le alcançou pera este Reyno consta d'esta Chronica, nam lhe
(à instancia del Rey Dom loam serà difficultoso crer, que entre
III.) o tribunal perpetuo da lan- | tantos favores reacs, nos fizesse
cta Inquisiçam,com as segundas tambem este.
Bullas, na forma, por onde hoje 8 Pera isto mandou sua
se governa este fancto tribunal;| Alteza neste anno chamar o
era já neste tempo Inquisidor Padre Diogo Miràm, manisel-
gèral o serenissimo Infante Dom|tandolhe o que tinha assentado,
Henrique, em quem tinha re & como d'este novo provimito
nunciado este

cargo,no anno de esperava seguirse grande gloria
1539. Dom frey Diogo da Sylva, divina, exaltaçam da Fè em to-
Bispo de Ceita, Religioso da fa-|| dos seus Reynos,&Estados.Grã-
grada ordem dos Minimos ; o de merce era esta do benignissi-
qual posto que tinha sido o pri- mo Rey, assim pela excellencia
meiro Inquisidor geral, com tu da dignidade, ecmo pela estima
do este poder estava ja suspenlo, da confiança; porém o humilde

como largamente se pode ver Padre Diogo Miràm primeiraLid. em Luis d Paramo, que trata da mente asombrou com a granramo, Origem do sancto Officio. Tā- deza da honra, & depois de dar igin. icij

que chegaram as segundas graças ao Augustissimo Rey,peBullas

, passadas em 16. de Iulho' la merce, que queria fazer à tit.2.de 1547. tratou o zelosissimo In- Companhia, lhe pedio licença

fante de por em forma este san- pera a communicar ao sancto

cto tribunal, como em effeito Padre Fundador, o qual com a Eienri- alcançou,dandolhe as ordens,& mesma resoluçam com que

lhe o lustre em que hoje o vemos. mandou a elle,& ao Padre Luis

Nam quiz s. 3.0;- Desejava muito elRey de lhe Gonçalves, que aceitaffem o Ignacio, que ndar por collateraes pessoas dou- cargo de confessores das pessoas citationes for

Inquisidorcs. tas, & desinteressadas, & vendo||Reaes , lhes ordenou a boa conta, que a Companhia faslem as dignidades dos sagrade fy dava, tratou de nos entre

dos tribunaes; porque o primeigar o officio de Inquisidores,

ro he cõforme a nosso instituto,

que

d

to.

lit.

itcCa;

[ocr errors]

que recu

[merged small][ocr errors][ocr errors]

Christod:

que consiste em ajudar o pro to das grandes letras, & muita Copanitia 1552. ximo,confessando, & prègando.prudencia de seu confessor:, & * 3:

O segundo të muito de relplan- || mayor valido o Padre Leâm
dor, & he como degráo pera || Henriques (como adiante vere-
honras mayores de mitras au mos) pera por em ordē as cou-
torizadas, que lam contrarias a sas daquelle Sagrado tribunal,na
nossa profillam ; & noffo sancto forma em que hoje vemos, fa-
Padre nam queria que houvesse zendoo de leu cõselho gèral; &
na Companhia nem lemelhan-|| fuccedendolhe por sua morte o
tes dignidades, nem caminho Padre lorge Serråm, pessoa gra
pera as poder pasluir. Edificouse visfima, & doutissima, & seguin-
o ferenissimo Rey, nam inenos dofe outros varios, os quaes em
da sancta humildade do Padre outros tempos, com grāde pro-
Mirám, que-da valente refolu-

veito do bem commum,

sem-
çam do sancto Patriarcha;& por pre serviram aquelle fagrado
dar gosto a este, &'nam dansar tribunal.
a ambos,desistio da empreza:fi
cando com isto, a porta fechada

CAPIT V LO III.
a poderem os da Companhia

aspirar a qualquer outra digni; Do que S. Ignacio escreuco soRezoens,& dade, pois S. Ignacio nam quiz seve s.18- que feus filhos se occupaflem bre alguns serem despedidos da ein huma,que por antonomasia

Companhia;& do suceesso de tarmos o he sancta;& juntamente porque

hum, que se foyda
cargo de : nam queria que seus filhos civel-
Inquifido sem poder pera relaxar hereges

Religiàm.
a perder a vida, pois desejava,
que os acompanhaffem com

Cho neste mer.
charidade', quando fossem a

mo anno putra morrer; prezandose mais, como

carta escrita aos verdadeiros humildes, com este

1.7. de Dezembro officio menos lustroso, que com ao mesmo Padre Diogo Mirám, cartades

. aquelles cargos mais eminentes: na qual lhe ordena, que se entre

Ignacio lo posto que nam he contra esta

os noflos houvesse algum que bre os dės. resoluçam de nosso Padre , ser-| fosse contumàs em nam obede- pedidos. virnios âquelle sancto tribunal, cer, fizesle huma de duas counas cousas em que nos occupam fas; primeira, que ou como mēos que nelle presidem,como lo. bro podre o cortaslem, despe. go fez o sereniflimo Infante Do dindoo da Companhia, ou se Henrique, aproveitandose mui

se fosse por outra parte sogeito

nacio pera

nam acei.

res.

[ocr errors]

de

Grito de de porte,

[ocr errors]

por isso diz

2

Iulian. Reli
candae sunt

caulis repel
lenda; ne to

pecora ar

lho encaminhafle à em Deos,& no bem daCompa

Cipanhia 5525 Rona, pera ver se com estanhia, quiz que nossa Religiám 13.

mudança de terra, tambem se fosse fancta, ainda que lhe cut-
mudava nos custumes. E pera

staffe ser malquista:porque nam
que nam estranhemos as ordi- | |fe pode confervar a luz entre'as
narias despedidas de sogeitos, trevas , & he impossivel conei-
que muitas vezes vemos lançar nuar hum membro podre em
da Companhia, & entendamos huin corpo fam: &
que semelhantes expulsoens de S. Hieronymo, Resecandé funt
gente que se nam accommoda putridæ carnes, y feabiosa ovis ab Hier.conira
ås ordens da Religiâm,sam con ovili repellenda:que a medicina, &
formes ao espirito de noslo pri- ||a experiencia nos ensina, sertal puvida car
meiro Fundador , & Patriarcha vez neceflario cortar,pera sårar. biofa ovis a
S. Ignacio, porey aqui humas

Bem entendemos que

hade

pa-
palavras formaes d'esta sua car recer cruel (como diz Tercul. ta domus,
ta pera o Padre Diogo Miràm,liano b) a cura que le faz com

maflaque, &
gs.Igna as quaes dizem assim : Quanto ferro,& com cauterio, mas nem deant.
julga. melhor fora apartar do corpo da Com por isso he mào o cortar , & o Tertulliau.

a sobr:05 panha algum membro estragado, & queimar , porque estes golpes de compilare
ejpedidos
segurar . sãos

que

deixar infices || (dizomelmo autor) trazem, he quan fævichia.

har a outros muitos com tal exemplo, | verdade, dores ao corpo, mas de Tcapello,
in conversaçam. Outra vez escrevi

, fazem muitos proveitos na sau de cauterio,
como cousa que me agradava, como o de. Bem vemos que a muicos fecari,inuri,
Padre mestre Leonardo em Colonia de

parece genero de crueldade a
buma vez despedira nove, ou dez, que medicina de despedir,mas nosso lum, quia
procediam mal: depois' o mesmo fez glorioso Fundador quiz que nos les afiert.
ostro tanto, & aßim mesmo me pare tivessem

por

sanctos , ainda que
ceo bem; ainda que se acodira as prin nos nam julgaffem por bran-
cipio do mal, bastaria por ventura def- || dos.
pedir hum, ou dous.

Ź Este foy sempre o espiri-
Até aqui o paragrapho to da Companhia , herdado do Notavelre
da carta do nosso sancto Patri seu primeiro Patriarcha,& con- foluçamdo
archa,o qual ainda que via que servado em seus filhos : & o Pa- P. M. Si.
este modo de governo podia | dre Mestre Simam fundador

mam, fo

bre de pe
fer exposto a desgostos , & mur d'esta Provincia,tanto approva- dir alguns
muraçoens (por ler tal vez ne va esta doutrina , que em huma da Compa
cessario despedir a alguns sogei carta fua , escrita ao Padre Luis nhia.
tos insignes no engenho,& illu- Gonçalves da Camara, Reytor
stres no fangue)com tudo o fan. do Collegio de Coimbra, The
cto fundador, pondo só os olhos ! diz estas palavras (que ja na pri-

da Compa

morderiq;
idcirco ma-

2

meira

« AnteriorContinuar »