Imagens das páginas
PDF
ePub

i

as

tui,

b Vide Tex

d Lament.le

peleyjando, outro pera commu ra ajudar aos que morriam,
nicar a Saude curando.

cuydando cada hum

que
3 Tanto que este mal se aflegurava a vida, com fugir
declarou, logo le ausentàram do que estava jà doente
de Lisboa as pesloas reaes, ruas estavam cheyas de erva
com coda a mais gente prin crescida, mais pareciam cain-

cipal ; que a peste a ninguem pos desertos, que estradas lecor.com Torte perdoa , pois lemos de; Reys, | | guidas : na rua nòva da Cicin. titulo, Emperadores, & Papas , que dade de Lisboa, diz o Padre peste mor

morreram às mãos da violen Antonio de Monserrate , em
cia pestilencial: & ainda que huma sua carta, que andavam
esta de Lisboa nam foy tam jugando a bola alguns ocio-
atroz, como a que houve em fos ( que destes nunca faltam
Constantinopla, sendo Empera- alguns, ainda quando as faltas
dor Leàm Ifauro, em aqual, di- || da gente

fam

mayores.) Bem zem muytos autores, que aca podéra aqui o Propheta d lerecor.fuprà. bâram trezentos mil cidadãos,

mias repetir suas lamentaçoens, rem.cap. «. com tudo lançadas bem as con vendo tam sò, & tam desem - num.i. tas,achamos, que passaram en parada huma Cidade em outam os mortos em Lisboa de

tro tempo tam cheya de pboytenta mil pessoas: & fe Deos vo', & tam forente de conam abreviasle estes dias, co mercio.

Grâde ima mo diz no sagrado Evange 4 Acrecentouse a este

ginaçam lho, que farà por amor dos grande mal, outro mayor do de medo j seus escolhidos nos dias pro-medo, que costuma ter ma- entrou na ximos ao ultimo juizo, "Non

cidade de yor força, representado na

Lisboa. fierer salva omnis caro. A gente fantasia : antes peor he

que ficou na Cidade andava morte, só o medo da morFome que como assombrada , & com a

te, & porque Deos quiz calveem Lif- morte diante dos olhos . Co-tigar a e Caim, & darlhe muy

meçou logo a pobreza, que tas mortes ( pela que deo a inuenirit he outra segunda peste, a cau hum innocente irmam, qual me, interffar nova tribalacam, porque,

era Abel) em lugar da morte como os officiaes ( que se occu lhe meteo o medo da morte, pam a servir os nobres com fazendoo lidar sempre com alseus officios ) nam tinham que tombros, & tremores no corfazer ,' tambem nam tinham po, com temores, & fobreque ganhar : Nam havia quem falcos na alma. Pera que vequizeffe' entrar na cidade, jamos esta verdade, & nos pera acudir aos vivos , & pe sirva o que entam soccedeo em

R Lisboa,

Mat.24. nu. 22.

que a

entam ou..

Gcn.4.11.14
Omnis qui

boa.

cier me.

, pera

Carta no tavel.

. Lisboa de documento

6 As ruas eftam desertas : a que em outro tempo, tempo, nam

rua nova dos ferros quasi toda fefaçamos caso de agouros fan-chada , & alguma logea que eftá tasticos , & de ditos de gente aberta , andase ja entrouxando; idiota, & supersticiosa ( que tal cavallos, y mulas desaparecéram: vez com capa de sanctidade, nam sey encarecer a vosa Revequerem prophetizar o que nam rencia o que passa . Dizem , que sabım, & pretendem adivi em todo o mundo Nam aconteceo nhar o que nam entendem) cousa tam horrenda como efta, contarey o que neste trabalho

tudo isto naceo do grande medo, so

tempo soccedeo em Lil que lhe puzeram de fe a Cidade so boa , repetindo parte de huma verter. Se estranhais isto aos que carta, que

escreveo ao Collegio vam fugindo, dizem, que nam sabem de Coimbra,ao Padre Provin- porque fogem, e que fogem por. cial,o irmam Diogo Carvalho que tambem vem fogir; nam ka reem doze de lulho de mil & xám , nem Prudencia human , que quinhentos & seslenta & nove, os faça a quietar : mas parece que a qual diz assim.

isto he o juizo de Deos,que quiz me5 Entrou outro medo na gen

ter nos coraçoens dos homens hum te, dizendo, que amenham

que
he medo
mayor

que o do dia do lurquarta feyra, treze deste mes, se 20. mim me veyo desejo de havia Lisboa de foverier ; .fez tan prègar pelas ruas, por onde ando,porto medo esta nova , o dava tanta que me cercam as gentes, assim preffa roda a Cidade ajê despejar

, nobres, como bayxos , pedindome çue nam sey encarecer o modo que pelas chagas de Chrifto que os demifto houve, porque as ruas, cays, Sengane, queyra ally morrer e barcos , tudo era fato, Ornam com elles, et nam bafta mostrarhavia mais na Cidade que gricos , def lhes, que tudo isto be imaginaçam, mayos , y andar a gente douda, Orc. sem fize. Occupou a gente, que

7

Bem le yé nesta tradesta (idade sahio sete , & oyeo le- gedia

. quam forçosa he a imagoas de redor de Lisboa ; e pora ginaçam , pois : assim céga o que nam havia casas se punham juizo , & cativa a rezàm... De pelos campos, aos pés das oliveyras: outras cartas também nos conC .como nam ha agoa, nem hiam sta , . que morriam muytos providos de comer bastante , dam destes fugitivos de Lisboa: de nos por nóras, que morrem maneyra que fugindo da morte com fome, sede, com muytos

lhe vinham a cahir nas unhas; Outros danos

ha nesta Cinobrando como gente sem entedade.

dimento, porque he genero de

doudice,

do que o

" que

d. Martial.l. 2. Holte cum

furor eit ne

mor?

Como os

1

doudice , como disle o outro. os medicos , & Jurgioens or

antigo, d chegar hum a se ma denavam, pera aquelles milefugeret se tar pelo nam matarem, & per

raveis enfermos; de forte, que Fannius ipfe der à vida por fugir da mor achey em particulares noticias, peremit. Di, rogo no te.

que lô da fazenda real le gal8

tavam cada dia, na que Neste grande trabalho,

charnamcrire,

& elpantosa confusám, nesta vam casa da laude , seilcentos
commum afTolacam deste fogo cruzados.

pestilencial,foy tal o fervor dos Padres a

9

Conio nesta occasiam cudiram a Padres,& irmãos desta casa de

eramos os principaes aventuele gr.in San Roque,& do Collegio de reyros , nam podiamos deyxar de mal da Sancto Antám, que ordenan de participar alguni mal do mal pèfte.

do os superiores a alguns, que tam vizinho: adoeceram da
se fahislem pera fóra da cida mesina contagiám muyros nos
de, todos pediam que os dey- sos assim em Sam Roque, como
xaflem ficar , pera ajudar a seus em Sancto Antâm, & entre oui-
proxiros em cam lastimosos tros, morreo o mesmo Reytor
naufragios'. Dividiram entre do Collegio, que era o Padre
ly os bayrrós da cidade, ipera Gaspar Alvarez , homem de
com melhor ordem, & mayor

vida sancta, & de costumes muy
facilidade acudirem aos exemplares : & pera os Padres
fermos , ajudarem aos mori com melhor commodo acudiré
bundos, & enterrarem os de aos nossos feridos, passaram os
funtos, o que faziami com tam doentes de S. Roque pera San-
notavel applicaçam , que mais cto Antàm,fazendo enfermaria Padres de

s. Roqne pareciam ser pays por obriga- das classes,aonde fe lhes acudia

leváram çam da natureza, que enfer com toda a charidade. Mas os seus do . mêyros por titulo de charida

nam he rezàm que nos esque- entes pera de . Com o exemplo destes çamos de pór aqui os nomes S. Antám fervos de Deos, faliram tam d'aquelles nossos Padres, & irbem a campo, co no valerosos mãos, que morreram nesta nam foljados, os religiosos das ou menos trabalhosa, que gloriosa tras sagrailas religioens : & foy|| empresa,servindo aos empèltatàn grande a piedade do lere dos,entrando com grande aniniilimo Rey Dom Sebastiam, mo pelo meyo das mais vora& da Rainha Dona Catheri zes labaredas deste incendio na lua avó, & acudirami com abrazador; pois seus nomes eftal largueza , & abundancia, tam fenı duvida escritos nos li. que affirmavam os nossos Pa vros da vida eterna. Eftes foram dres ; que nam faltava o que o P. Affolo Gil,de qué logo fal

laremos,

en

Como os

R 2

[ocr errors]

f

[ocr errors]

ro,

ΙΟ

3.cap. 2.

h
D. Hier, in

laren.os, porque foy hum dos irmam Francisco Carvalho, o
mais charitatives Padres que irmain André Barbosa, o irmain
teve elta cala, que nam era bem Iorge Alvarez , o irmam Iero-
que a hum soldado tam valero nymo Rodrigues,o irmam Do-
to tomalle a morte senam no mingos da Costa, que por todos
campo, trabalhando , & peley foram dezanove, os quaes com
jando,com esta particular glo notavel edificaçam dos vivos,&-
ria,que vivendo lhe chamavam grāde proveyto dos 4 morriam,
em Lisboa pay dos enforca offereceram muy liberaes sua
dos, como logo diremos , & vidas com este genero de mar-
veyo a morrer sendo enfermey-cyrio, que por tal he, avaliads Auguft. Ep.
& sendo pay dos empésta-

dos empésta- semelhante morte, por Sof Ago
dos.
stinho, por 8 Origenes, & poi 9. in loan

.
Foram seus compa-
omes dos

outros muytos autores , & pelo VideTheoossos, que nheyros o Padre Gaspar Alva menos he certo, que diz S.h leltract, de zorrèram rez Reytor do Collegio de

ronymo, que sempre vio acabar Martyrio, p. zelta peile, Sancto Antàn, que como bom com morte fancta, os que de fermos. capitàın foy diante de leus sub

boa vontade uzam de obras de

Epist. ad ditos animandoos com seu milericordia com os enfermos. Neporian. exemplo a entrar nestas peri Nesta occasiam, houve

ni me legis-
gofiffimas bacalhas ; fazendo o

muytos outros Religiosos , que
officio de bom capitàm, o qual, com grande edificaçam offere- qui libenter

comodo insigne Censor • Ro ceram as vidas em serviço de opera charas colera- mano,escreveo o outro antigo, seus proximos, nam temendo a cuit

. ou iubet.' hindo diante de seus soldados,

morte,por lhes
nam mandava, mas mostrava, de; entre os quaes foy aquelle
como se havia de trabalhar. muy veneravel, & muy insigne
Tambem aqui morreoo Padre

varám Frey Luis de Montoya, Montoya

Fr. Luis de Manoel Godinho, q fora Rey-| gloria, & ornamento dos muy morreo ser tor no Collegio de Coimbra, religiosos Padres Ermitaés de vindo na como tábem adiante direy, P..! S. Agostinho, o qual com este pésie. loàm de Moura, o P. Antonio genero de martyrio coroou a Correa, o Padre Miguel Go fancta vida,com que tinha edimes,o Padre Paulo Leycàm, o ficado o mundo, & honrado sua Padre André de la Penha, o religiàm;que na verdade semePadre Antonio Soares,o irmam Thante holocausto he muy proGaspar Kamos,o irmam Acha pric de varoens sanctos , ainda fio Teyxeyra, o irmam Gonça-quando sam mais autorizados, Ioan. Diac. lo Affonso, o irmam Bras Mar

pois sabemos, que Sami Gre- in eius vita

1.1.0.41. ques,o irmam Gaspar Correa, ol 'gorio

gorio Magno se offereceo

Non memi

II

se mala mor te mortuu,

Pharr.

0.9. Mon

grangear a fau

[ocr errors][merged small]

i

a seme

i

Taum,

K

acon.in eius vita.

i Sur.in eius vita.

genda

a semelhante perigo, acudindo entam nam era ainda de missa,
na pèste que houve em Roma & nesta peste parece que se en-

no anno de 590. & o mesmo | layou,pera a que depois houve
Greg. Nr. lemos, de Sam 'Gregorio Tau em Coimbra, na qual procedeo
in Paneg.
S. Gregor. maturgo; no anno de 255.de S. como religioso sancto, & como

Cypriano K no anno de 255.5. homem milagroso; & quem elPontius Di- Bernardino" de Sena, no anno crever as cousas daquelle répo, de 1400. & do fancto Cardeal

tē muyto q dizer delte born Pas Barromèono anno de 1576.&dre, que tambem escapou da

de outros muytos gravissimos quella peste de Coimbra. & viIn eius le- Padres, & sanctiffi nos varoens. veo depois muytos annos, co

Com o exemplo de tain douto, talmente cègo, no Collegio de
& de tam sancto Religioso, co Coimbra, donde Deos o levou
mo era o Padre Fr. Luis de Mó ao fazer participante da vista
toy a, fe animàram muytos ou de sua gloria, & do premio de
tros religiosos, també de muyta leus trabalhos.
autoridade, a entrar em seme 13 Tambem escapou co
lhante batalha, com a morte. vida deste grande incendio da
Certo que bem pudiamos aqui peste grande; & de entre dez
applicar, o que á vista de Sam mil enfermos, a que acudia, o

Cypriano, quando acudio a Padre Cypriano Soares, como Pontius in outra "semelhante peste , disfe fe nelle cumprisse Deos aquelpitani . Cs delleo seu historiador , Et quis la prophecia de ° - Ilayas, Cum Ifaiz c. #3:

non sub tanto doctore properaret in 1 ambulaueris in igne, non comburèris,
veniri,fubparte aliqua talis milicit, lo flama non ardebie in te'; vivens

12 Entre os nossos, que do depois muýtos annos, & hő-
escapáram com vida deste hor- rando a Companhia com sua
rivet naufragio,foy hum delles Rhetorica que ensinou, & dey-
o Padre Antonio de Monserra xou estampada,& com sua
te; de quem já fallamos goar virtude, com que a
dando o Deos fem lesàm algu-

todos edifi
ma d'entre as labaredas delta

cou,
fornalha, pera lhe fazer muýtos
serviços ao diante , entre os
quaes nam foy o menor a fun-
daçam' do convento de Sancta

fall
Mirtha, como dissemos. Tam-

bem se esmerou aqui muyco o Rodrigues

Padre Manoel Rodrigues, que ocègo.

num...

[ocr errors]

P. Manoel

« AnteriorContinuar »