Imagens das páginas
PDF
[ocr errors]

minuindo, por culpa do meu engenho,fuas obras immortaes, dignifimas de ferem potas em melhor folfa, & cantadas por Cyrnes mais fublimes.

CAPITV Lo XXXVI.

[merged small][merged small][merged small][ocr errors][ocr errors][ocr errors][merged small][merged small]

méto na villa da Ponta do Sol,

Sacerdote de Chrifto, porque nam quero continuar mais, di

f) o Padre LehmHenriques,

[ocr errors][merged small]
[ocr errors]
[blocks in formation]
[ocr errors]
[merged small][ocr errors]

o principal meyo, por onde a divina bondade fe communica a feus fervos, allumiandolhe os entendimentos com luzes divinas, & abrazandolhe fuas vontades com refplandores celeftiaes,feja o meyo da oraçam;foy o Padre Leam Henriques tam dado a etefâncto exercício, q cõ trazer tantos negocios exte

no interior de fua alma,como fe fua vida sò fofe de hum grande contemplativo, metido no lan

tado deferto. A continuaçam dete fanto trato com Deos,era tam grande, que ainda depois de velho tinha cada dia, entre dia,&noyte, fere horas de ôraçam mental,& vocal, & o que poem mais admiraçam era a potura do corpo, porque fempre etava de joelhos. Sendo Superior, deta maneyra repartia o tempo, que dava a Deos; tinha em fe levantando huma

[ocr errors][merged small]

hora de ôraçam mental com a COIT]

[ocr errors]
[graphic]
[merged small][ocr errors][ocr errors][ocr errors][merged small][ocr errors][merged small]

- que reeebèra. A tarde,no tempo das liçoens, tinha outra hora |

de òraçam de joelhos no feu cubiculo. As demais horas repartia pelo dia,& pela noyte, conforme as occupaçoens, & occafioens. Todas as fête horas canonicas do officio divino,ainda depois de velho, refava com ambos os joelhos em terra, cõ grande attençam, & reverécia,

elle de joelhos. }

& fempre ao tempo acommo-} dado, conforme a ordem da | Igreja: & {e rezava com algum | companheyro obrigavao a que "rezaffe affentado, continuando|

| de certo que etava dentro,tor|na o porteyro a fegüdar os golpes mais rijo,fem de dentro lhe |refponderem;pelo que vêdo fer neceffario,âbre aprefado a porta,&vio no meyo da cata ao P. |Leam Henriques poto de joe|lhos,com os ôlhos no cèo, & cõ |os braços em cruz, tam abforto,& tranportado em Deos,em tam profunda contemplaçam, que por mais etrondo que o Irmám fez abrindo a porta, & falandolhe alto, em nada advertia,mais que em Deos,com quê etava tam divertido, que foy forçado o Irmâm pegar do Padre,& fazerlhe força pera o ef. pertar daquelle roubo; o que fucedeo fahindo o Padre com | etas (entidas palavras, Zeos vos

3 Cutume he de Deos nof fo Senhor communicarfe muyto áquelles que felhe entregam muyto, conforme a eta regra,

DeOS nofo Senhor repartia cõ ete feudevoto fervo, o qual af fim andava entre os homés, co

em Deos. Vindo hum dia ao Collegio de Coimbra o Bipo

tar ao Padre Leâm Henriques, o porteyro, depois de recolher em cafã a eftegrande Prelado,

dre Reytor pera o fahir a rece

eram notaveis os favores que |

mofe fempre eftivefe abforto

Conde Dom Ioam Soarez vifi

fe adiantou a dar recado ao Pa

perdoe lamam: como focedia aó grande Antonio" no feu defer\to,quando paflando anoyteto| da em ôraçam cõ os ôlhos fitos noOriente,{e queyxava cõtra o Sol, q nafcêdo lhe feria os ôlhos

dade,que gozava,com os ter no céo.Ou como a alma do Sanóto Samuelo que fe queyxava de |Saul pelo defenquietar de feu repoufo. Levantoufe o Padre Leam Henriques bem contra

Bif pomandou ao porteyro(que era o Irmâm Sebatiam Gon

çalves, homem de grande virtude).

417 ber:bate a portado cubiculo, & 4" da nam acudindo o Padre,fabendo "panha

corporaes, & privava da fuavi

fua vontade,& antes de fahirao.

[ocr errors][ocr errors][merged small][ocr errors][ocr errors][ocr errors]
[ocr errors][merged small][merged small][ocr errors][ocr errors][merged small]

418 tude) que a ninguem contafe aquelle defcuydo em que o achára,o que ele goardou inteyramente, & depois da morte do P.Leám Henriques muytas vezes o contou no Collegio de S. Antâm,aonde por largos annos fez com muyta charidade, os negocios das Provincias da India,& do Brazil. •

4 Mais maravilhofa foy ourra extafe e/piritual, que teve tambem no Collegio de Coimbra,na feta de Sam Pedro, & Sam Paulo,a qual contarey da maneyra que commummente corre entre nôs. Havia aquella manhã de dizer mifa pera os Irmãos renovarem feus votos, conforme o fanáto cutume da Companhia. Tinham tangido

[merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][ocr errors]

à mifa,tardava o Padre em vir,

de fua camara,huma, & muytas

[ocr errors]

| em coufa que logo fe publicou

Chronica da Companhia de Iefa,em Portugal

tam nóva,& maravilhofa, deyxafe etar notando as circunftãcias de tal vita, fecha a porta outra vez, vem dar recado aos que ficavam na capella, pera q

glorifiquem a Deos, affirmãdoo |

com tãta firmeza,quenam deyxava a quem o ouvia lugar de duvida. Dahia pouco entra pela capella o Padre Leâm Henriques, com hum exterior que ainda parecia vinha tranportado em Deos,começa a mifa, & bem fe enxergou nella, quam forçofo fora aquelle epiritual roubo,pera o alienar dos fentidos corporaes, porque a cada pafo perdia o timo das ceremonias,nam podendo atinar mais, que com o Senhor, que afim o tinha roubado. Taes eram as reliquias daquella celetial vifita. Falandofe depois nito ao Padre Leãm Henriques, como

pelo Collegio todo, ele indo pelos pafos por onde os Sãátos caminham em femelhantes favores, com avifada humildade pretendeo encubrir os fegredos do Rey da gloria, lançando a coufa a rifo, dizendo qué o Irmâm devia de etar fonhando: goardando nito o etylo dos verdadeyros humildes, que cuf. tumam encubrir,com diffimulaçam,femelhantes illuftraçoens do céo, como o mefmoSenhor ufou em fua pefoao, mandando

Como en

[ocr errors][ocr errors]
[ocr errors][ocr errors]

Mat.c.17.n.

9. Nemini

lidos

aos tres Apoftolos,mais feus va- # vi- }

onem,& c.

[merged small][ocr errors][ocr errors]

_Partefganda Livro quinta Cap. XXXVI, 419

lidos a quem motrou o mara

vitam, nam porque temefe af.

faltos de vaidade, mas pera nos |
dar exemplo de verdadeyra hu-

mildade.

6 Por ete meyo
çam continua, & altifima con-
templaçam, fe communicava

dre Leâm Henriques, vifitãdoo

amava, como pera o bem das

Reytor do Collegio de Evora,
fucedeo etar hum religiofo Sa-

acudio.

cerdote muy tentado na voca-
çam:entrou efte em penfamétos

[merged small][merged small][merged small][ocr errors][merged small][merged small][merged small]

vilhofo rapto do Monte Tabor, |
que a ninguem difeflem a tal |
fueru inter vos propheta ZDomin, in

[ocr errors]

Deos maravilhofamente ao Pa

almas que procurava: Sendo !

de effectivamente deyxar aCõ-
panhia, os quaes tinha defcu-
bertos a outro religiofo;que por |

[ocr errors]

poufãdo o vigilante Reytor hú |
pbuco,fobre a cadeyra, come-o
çou a fonhar que lhe puxavam f

delcubrir o que fabia daquelle |

[ocr errors]

que re-,

|

[ocr errors]
[ocr errors]

gem Santifima,o aos tres Reys
Mägos,& a outros muytos,con-
forme a divina promefa, Siquis

ofone apparebo,Gr e perfomnium lo

quar ad illum.
7 Acordou o Padre Leâm
Henriques combatido com ef.
te penfamento, & perfuadindo- |
(e que era puro fonho,o tornou
outra vez a repoufar, tornou
porém a vigiar o Senhor, repe-
tindo as vozes com mais effica-
cia: eperta outra vez o Padre
com a me{ma fadiga,&por nam
dar credito ao fonho, conforme
ao confelho divino, dado por

| Ierem.f torna outra vez a dor-
| mir: porém a voz do céo o ef |
|pertou a terceyra vez (como
| antigamente a Samuel6 quando
| tres vezes o chamou) Que fazes,

lhe diziam os occultos brádos,
tomo nam vigias?nem chamado tantas

dea a ambos,reduzindo o tentado, @r

[ocr errors]
[ocr errors]

*;

cati

rvezes acordas, pera acudir à ovelha |
que o lobo infernal te leva! Vaya quê |

fale difie mal@r nam te avifa, reme |

cofigando o/ecretario. Refolveofe | o Reytor, que nam era aquillo fonho da fantefia errada,fenam | avifo do céo vigilante. Vayte | logo ter com o Religiofo, que | fabia daquella tentaçam (con## forme o que Deos lhe dizia no | fonho) namfe atreve o pobre a | negar o que via manifetado cõ |

pafava remedeou com benig |
hidade o que etava tentado, !

[ocr errors][ocr errors][ocr errors][merged small][ocr errors]
[ocr errors][ocr errors]
[ocr errors]
[ocr errors][ocr errors][merged small][merged small][merged small]

cattigando com feveridade o q lhe encubrira cõ a tentaçam: q fem duvida nam pôde haver mayor crueldade, que com titulo de amifade encubrir o perigo de feu irmám, dando muytas vezes com o filencio a morte, a quem com dar conta, poderia dar a vida.

z Outra vez no me{moCollegio, em que juntamente era R. y or da Vniverfidade,& Lête dos cafos,lhe foy revelado na ôraçam, como certo homé co

no cabo da vida,& em rifco de o tomar a morte em peccado mortal. Levantafe da àraçam (porque talvez convem deyxar

|a Deos por acudir ao homem)

manda chamar ao P. Marcos forge(de quem já temos o falalo)Doutor em Theologia, avi

|fão que fe aparelhe pera aquella

hanhã fubtituir na liçam em eu lugar, fe por ventura foffe neceffario. Ito dito fè recolheo outra vez à óraçam, & depois ahio a dizer mifa; a qual acabada mandou avifar ao Padre

[blocks in formation]

nhecido naquella cidade,etava |

que foffe ler por elle: & logo com o companheyro, fe foy a

achou nella hum doente em

feflar,& abfolver. - * * 8 Em fe de pedindo o Padre Leãm Henriques, chama o doente o companheyro,falalhe aparte com grandes epantos,& com hum alegre choro, namacaba de lhe perguntar que Padre era aquelle, que nam podia deyxar de fermaravilhoto Sancto,& Propheta, a quem Deos defcubria peccados tam enormes,& tam fecretos. Perguntalhe o Irmâm o particular d'aquela maravilha que lhe contava,repondelhéo doente;che. goufe a mim aquelle Sancto, & começando a tratar do perigo de minha falvaçam, me diffe, Até quando,irmam,ha de durar»of

vos de tal@r tal peccado, que nunca confo#aftes,Ordeña,(} aquela obrigaçam a que nunca/atisfizeites. Aqui ferido por huma parte de dor, & pafmado da novidade, lhe

fabei meus percados quem vos manifefiou minha alma, quem vos mofreu minha fecreta, na qualeu mo/mo de envergo

trite etado, & certifimo perigo de minha vida,mas confufamente, & em géral: porém que depois dizendo mifa lhe puzêradiante dos ôlhos meus peccados tam clara, & diftinótamé

[ocr errors]

perguntey, Que he fio Padre,donde].

àencia tam abominavel, (gr.

[ocr errors]

te,como ally mos dizia. E dõde • filcfC

[ocr errors][ocr errors][ocr errors][merged small]
« AnteriorContinuar »