Relações internacionais e temas sociais: a década das conferências

Capa
IBRI, 2001 - 430 páginas

No livro são analisados os grandes movimentos da história das relações internacionais, desde a Conferência de Viena, que instaurou a ordem liberal sob o concerto europeu até o surgimento da Guerra Fria, em 1947 

 

Opinião das pessoas - Escrever uma crítica

Não foram encontradas quaisquer críticas nos locais habituais.

Páginas seleccionadas

Outras edições - Ver tudo

Palavras e frases frequentes

Passagens conhecidas

Página 131 - Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra a Mulher...
Página 362 - As particularidades nacionais e regionais devem ser levadas em consideração, assim como os diversos contextos históricos, culturais e religiosos, mas é dever dos Estados promover e proteger todos os direitos humanos e liberdades fundamentais, independentemente de seus sistemas políticos, económicos e culturais.
Página 164 - A saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de doença ou enfermidade.
Página 354 - O direito ao desenvolvimento deve ser exercido, de modo a permitir que sejam atendidas equitativamente as necessidades de gerações presentes e futuras. Princípio 4 Para alcançar o desenvolvimento sustentável, a proteção ambiental deve constituir parte integrante do processo de desenvolvimento, e não pode ser considerada isoladamente deste. Princípio 5 Todos os estados e todos os indivíduos, como requisito indispensável para o desenvolvimento sustentável, devem cooperar na tarefa essencial...
Página 114 - Mundial sobre Direitos Humanos reafirma o direito ao desenvolvimento, conforme estabelecido na Declaração sobre o Direito ao Desenvolvimento, como um direito universal e inalienável e parte integrante dos direitos humanos fundamentais.
Página 194 - ... o Pacto Internacional de Direitos Económicos, Sociais e Culturais eo Pacto Internacional de Direitos Civis e Políticos...
Página 176 - Fundado nos princípios da dignidade da pessoa humana e da paternidade responsável, o planejamento familiar é livre decisão do casal, competindo ao Estado propiciar recursos educacionais e científicos para o exercício desse direito, vedada qualquer forma coercitiva por parte de instituições oficiais ou privadas.
Página 353 - Janeiro, de 3 a 14 de junho de 1992, reafirmando a Declaração da Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano, adotada em Estocolmo em 16 de junho de 1972, e buscando avançar a partir dela, com o objetivo de estabelecer uma nova e justa parceria global...
Página 361 - A Conferência Mundial sobre Direitos Humanos reafirma o compromisso solene de todos os Estados de promover o respeito universal ea observância e proteção de todos os direitos humanos e liberdades fundamentais de todos, em conformidade com a Carta das Nações Unidas, outros instrumentos relacionados aos direitos humanos eo direito internacional. A natureza universal desses direitos não admite dúvidas.
Página 353 - Os seres humanos estão no centro das preocupações com o desenvolvimento sustentável. Têm direito a uma vida saudável e produtiva, em harmonia com a natureza.

Acerca do autor (2001)

 Diplomata de carreira.

Informação bibliográfica