Pesquisa Imagens Maps Play YouTube Notícias Gmail Drive Mais »
Entrar
Livros Livros
" Pois vens ver os segredos escondidos Da natureza, e do humido elemento, A nenhum grande humano concedidos De nobre ou de immortal merecimento : Ouve os damnos de mi, que apercebidos Estão a teu sobejo atrevimento Por todo o largo mar, e pela terra, Que... "
Archivo Bibliographico - Página 10
por Universidade de Coimbra. Biblioteca Geral - 1877
Visualização integral - Acerca deste livro

A Grammar of the Portuguese Language

Antonio Vieyra - 1858 - 443 páginas
...arados de estranho ou proprio lenho ; Pois vens ver os segredos escondidos Da natureza, e do humido elemento, A nenhum grande humano concedidos, De nobre ou de immortal merecimento ; Ouve os damnos de mi que apercebidos Estao a teu sobejo atrevimento, For todo o largo mar, e pela terra, Que...
Visualização integral - Acerca deste livro

Obras, precedidas de um ensaio biographico, augmentadas com ..., Volume 6

Luis Vaz de Camoens - 1870
...arados dVsl ranho ou próprio lenho: XLII Pois vens ver os segredos escondidos Da natureza e do humido elemento, A nenhum grande humano concedidos De nobre ou de immortal merecimento: Ouve os danos de mi, que apercebidos Estão a teu sobejo atrevimento Por todo o largo mar e pela terra, Que...
Visualização integral - Acerca deste livro

Selecta camoniana, ou Excerptos dos Lusiadas

Luís de Camões - 1863 - 814 páginas
...arados d'estranbo, ou proprio lenho: na Pois vens Ter os segredos escondidos Da natureza, e do humido elemento, A nenhum grande humano concedidos De nobre ou de immortal merecimento; Ouve os damnos de mi, que apercebidos Estão a teu sobejo atrevimento Por todo o largo mar, e pela terra, Que...
Visualização integral - Acerca deste livro

Episodios de Ignez de Castro e Adamastor, extrahidos dos cantos III e v dos ...

Luís de Camões - 1865 - 35 páginas
...tenho, Nunca arados d'estranho, ou proprio lenho: Pois vens ver os segredos escondidos Da nalureza, e do húmido elemento, A nenhum grande humano concedidos...immortal merecimento; Ouve os dañinos de mi, que apcrcebidos Estâo a leu sobejo atrevimento Por todo o largo mar, e pela térra, Que inda has de sobjugar...
Visualização integral - Acerca deste livro

Obras de Luiz de Camões: Os Lusiadas. Estancias desprezadas. Lic̜ões varias ...

Luís de Camões - 1870
...arados d'eslranho ou proprio lenho: XLII Pois vens ver os segredos escondidos Da natureza e do humido elemento, A nenhum grande humano concedidos De nobre ou de immortal merecimento: Ouve os danos de mi, que apercebidos Estão a teu sobejo atrevimento Por todo o largo mar e pela terra, Que...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas: ensaio sobre Camões e a sua obra

Joaquim Pedro Oliveira Martins - 1872 - 210 páginas
...arados d'estranho, ou proprio lenho : Pois vens ver os segredos escondidos Da natureza, e do humido elemento, A nenhum grande humano concedidos De nobre ou de immortal merecimento : Ouve os damnos de mi, que apercebidos Estão a teu sobejo atrevimento Por todo o largo mar, e pela terra, Que...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas de Luiz de Camões, Volumes 5-8

Luís de Camões - 1873 - 266 páginas
...arados d'estranho ou proprio lenho: 42 Pois vens ver os segredos escondidos Da natureza e do humido elemento, A nenhum grande humano concedidos De nobre ou de immortal merecimento: Ouve os danos de mi, que apercebidos Estão a teu sobejo atrevimento Por todo o largo mar e pela terra, Que...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas de Luiz de Cam#E4oes: Unter vergleichung der besten texte : mit ...

Luís de Camões, Karl von Reinhardstöttner - 1874 - 318 páginas
...d'estranho ou proprio lenho : XLII. Pois vens ver os segredos escondidos Da naturc/ae do húmido elemento, 3 A nenhum grande humano concedidos De nobre ou de immortal...merecimento : Ouve os dañinos de mi, que apercebidos 6 Estao a ten sobcjo atrevimento Por todo o largo mar e pela térra, Que inda has de subjugar com dura...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas de Luiz de Camões

Luís de Camões - 1874 - 318 páginas
...d'estranho ou proprio lenho : XLII. Pois vens ver os segredos escondidos Da natureza e do humido elemento, 3 A nenhum grande humano concedidos De nobre ou de immortal merecimento : Ouve os danmos de mi, que apereebidos 6 Estrto a teu sobejo atrevimento Por todo o largo mar e pela terra,...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas, Lief. Vergleichung der besten Texte, mit Angabe de ...

Luis Vaz de Camoens - 1874
...d'estranho ou proprio lenho : XLII. Pois vens ver os segredos escondidos Da natureza e do humido elemento, 3 A nenhum grande humano concedidos De nobre ou de immortal merecimento : Ouve os daninos de mi, que apercebidos 6 Estao a teu sobejo atrevimento Por todo o largo mar e pela terra,...
Visualização integral - Acerca deste livro




  1. A minha biblioteca
  2. Ajuda
  3. Pesquisa de livros avançada
  4. Transferir ePub
  5. Transferir PDF