Pesquisa Imagens Maps Play YouTube Notícias Gmail Drive Mais »
Entrar
Livros Livros
" O gente ousada mais que quantas No mundo commetteram grandes cousas; Tu, que por guerras cruas, taes e tantas, E por trabalhos vãos nunca repousas: Pois os vedados terminos quebrantas, E navegar meus longos mares ousas, Que eu tanto tempo ha... "
Poesias selectas para leitura, recitação, e analyse dos poetas portuguezes ... - Página 39
por Henrique Carlos Midosi - 1884 - 320 páginas
Visualização integral - Acerca deste livro

Episodio do gigante Adamastor: Lusiadas, canto v, est. XXXVII-LXX

José Benoliel - 1898 - 48 páginas
...dos Lusiadas, profere mil ameaças futuras contra Vasco da Gama ou sua nação. Diz a Estancia xu : Pois os vedados terminos quebrantas E navegar meus...mares ousas, Que eu tanto tempo ha já que, guardo c tenho, Nunca arados d'estranho ou proprio lenho; Na narração arabe, aquelles «vedados terminos...
Visualização integral - Acerca deste livro

Nova selecta portugueza: colligida, annotada e acompanhada d'um tratado de ...

João M. Moreira, João M. Corrêa - 1902 - 479 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

Obras de Luis de Camões: Os Lusiadas, Volumes 1-4

Luís de Camões - 1905
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

Os Lusiadas, Volumes 3-4

Luís de Camões - 1908
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

Los poetas del renacimiento

Carlos Roxlo - 1911 - 349 páginas
...guardián del cabo de Buena Esperanza. / "E disse: Oh gente ousada, mais que quantas No mundo commetteram grandes cousas; Tu, que por guerras cruas, taes e tantas E por trabalhos váos nunca repousas; Pois os vedados terminos quebrantas E navegar meus longos mares ousas, Que eu...
Visualização integral - Acerca deste livro

Lusíadas

Luís de Camões - 1913 - 398 páginas
...todos só de ouvi-lo e vê-lo. XLl E disse : « O' gente ousada, mais que quantas No mundo cometeram grandes cousas : Tu, que por guerras cruas, taes e...tanto tempo ha já que guardo e tenho, Nunca arados de estranho ou proprio lenho ; \LU f Pois vens ver os segredos escondidos Da natureza e do humido elemento...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusíadas: poema épico

Luís de Camões - 1920 - 515 páginas
...todos, só de ouvi-lo e vê-lo. XL1 E disse : «Ó gente ousada mais que quantas No mundo commetteram grandes cousas; Tu, que por guerras cruas, taes e...por trabalhos vãos nunca repousas ; Pois os vedados términos quebrantas (55), E navegar meus longos mares ousas, Que eu tanto tempo ha já que guardo...
Visualização integral - Acerca deste livro

O genio de Camões, Os Lusiadas: ensaio critico

Affonso Costa - 1921 - 235 páginas
...estatura ea aspereza de seu gesto: «E disse : "Oh gente ousada mais que quantas No mundo commetteram grandes cousas; Tu, que por guerras cruas, taes e...tanto tempo ha já que guardo e tenho, Nunca arados d'extranho ou proprio lenho: «Pois vens ver os segredos escondidos Da natureza e do humido elemento,...
Visualização integral - Acerca deste livro

Gramática expositiva: curso superior

Eduardo Carlos Pereira - 1927 - 425 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

Selecta classica: com annotações philologicas, grammaticaes, em complemento ...

João Ribeiro - 1931 - 414 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro




  1. A minha biblioteca
  2. Ajuda
  3. Pesquisa de livros avançada
  4. Transferir ePub
  5. Transferir PDF