Pesquisa Imagens Maps Play YouTube Notícias Gmail Drive Mais »
Entrar
Livros Livros
" Pomponio, Estrabo, Plinio, e quantos passaram, fui notorio: Aqui toda a Africana costa acabo Neste meu nunca visto promontorio, Que para o polo Antarctico se estende. A quem vossa ousadia tanto offende. "
Archivo Bibliographico - Página 22
por Universidade de Coimbra. Biblioteca Geral - 1877
Visualização integral - Acerca deste livro

Lusíadas

Luís de Camões - 1913 - 398 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

Europe, 1450-1789

Edward Raymond Turner - 1925 - 871 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

Estudos camonianos

Sílvio de Almeida - 1925 - 203 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

Os Lusiadas: de Luís de Camões

Luís de Camões - 1931 - 375 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

Selecta classica: com annotações philologicas, grammaticaes, em complemento ...

João Ribeiro - 1931 - 414 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

I Lusiadi

Luís de Camões - 1939 - 111 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

Paginas de lingua e de educação: trabalhos esparsos publicados no centenario ...

Ernesto Carneiro Ribeiro - 1939 - 230 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

Luís de Camões

António José Saraiva - 1959 - 269 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Visualização de excertos - Acerca deste livro

Mensagem: poemas esotéricos

Fernando Pessoa - 1996 - 531 páginas
...Dias: Eu sou aquele oculto e grande cabo, A quem chamáis vos outros Tormentório, (...) Aqui toda africana costa acabo, Neste meu nunca visto promontorio, Que para o Polo Antárctico se estende, A quem vossa ousadia tanto ofende!' Lus. V, 50 Tendo vivido em Durban, na costa...
Pré-visualização limitada - Acerca deste livro

The Limits of Art: Poetry and Prose Chosen by Ancient and Modern Critics

Huntington Cairns - 1960 - 1473 páginas
[ O conteúdo desta página está restrito ]
Pré-visualização indisponível - Acerca deste livro




  1. A minha biblioteca
  2. Ajuda
  3. Pesquisa de livros avançada
  4. Transferir ePub
  5. Transferir PDF