Pesquisa Imagens Maps Play YouTube Notícias Gmail Drive Mais »
Entrar
Livros Livros
" Pacheco fortissimo, e os temidos Almeidas, por quem sempre o Tejo chora: Albuquerque terribil, Castro forte, E outros, em quem poder não teve a morte. "
Obras de Luiz de Camões: precedidas de um ensaio biographico no qual se ... - Página 7
por Luís de Camões - 1869
Visualização integral - Acerca deste livro

Revista contemporanea de Portugal e Brazil, Volume 3

1861 - 696 páginas
...depois de D. João m, eo explendor dos seus antecessores no governo das conquistas da Asia, Alhuquerque terribil, Castro forte, E outros em quem poder não teve a morte. Sobre o tumulo do duque D. Jaime, deviam os augustos viajantes encontrar, se ainda ali o conservam,...
Visualização integral - Acerca deste livro

Camões: estudo historico-poetico liberrimamente fundado sobre um ..., Volume 3

Antonio Feliciano de Castilho - 1863 - 282 páginas
...nome, sem«pre respeitado «Do gnende Capitão Vasco da Gama, «e não menos aos de v «— Um Pacheco fortissimo, e os temidos «Almeidas, por quem sempre o Tejo chora, «Albuquerque terrivel, Castro forte, «e outros em quem poder não teve a morte.» — «Uma das maiores provas...
Visualização integral - Acerca deste livro

Obras de Luiz de Camões: Os Lusiadas. Estancias desprezadas. Lic̜ões varias ...

Luís de Camões - 1870 - 640 páginas
...reinos la da Aurora Se fizeram por armas tâo subidos, Vossa bandeira sempre vencedora: Hum Pacheco fortissimo, e os temidos Almeidas, por quem sempre...Albuquerque terribil, Castro forte, E outros em quem poder nao levé a morte. XV E em qiianto cu estes canto, ea vos nâo posso, Sublime Reí. que nao me atrevo...
Visualização integral - Acerca deste livro

Diccionario dos synonymos poetico e de epithetos da lingua portugueza

José Ignacio Roquete, José da Fonseca - 1871 - 882 páginas
...memória não perecerá em quanto viver a língua em que o vale porluguez cantou : Cm Pacheco fortíssimo, e os temidos Almeidas, por quem sempre o Tejo chora ; Albuquerque terribil, Castro forte, É outros em que poder não teve a morte. (Lut., I, 14.) Em nenhum dos philpsophos estóicos se encontra...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas: ensaio sobre Camões e a sua obra

Joaquim Pedro Oliveira Martins - 1872 - 252 páginas
...individualisa, quer cantar a sociedade como o individuo (C. i, Est. xiv): Huui Pacheco fortiissimo, e os temidos Almeidas. por quem sempre o Tejo chora;...Castro forte, E outros em quem poder não teve a morte. Para os cantar, a elles e á patria, pede: (O. i, Est. v.) . . . Huma furia grande e sonorosa, E não...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas de Luiz de Camões, Volume 3

Luís de Camões - 1873 - 290 páginas
...reinos lá da Aurora Se fizeram por armas tão subidos, Vossa bandeira sempre vencedora: Hum Pacheco fortissimo, e os temidos Almeidas, por quem sempre...Castro forte, E outros em quem poder não teve a morte. l* 15 E cm quanto eu estes canto, ea vós não posao, Sublime Rei, que não me atrevo a tanto, Tomai...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusíadas: los Portugueses

Luís de Camões - 1873 - 282 páginas
...Reinos lá da Aurora , Se fizeram por armas tao subidos , Vossa bandeira sempre vencedora : Hum Pacheco fortissimo , e os temidos Almeidas , por quem sempre...Albuquerque terribil , Castro forte , E outros em quem poder nao teve a morte. xv. E em quanto eu estes canto, ea vós nao posso, Sublime Rei , que nao me atrevo...
Visualização integral - Acerca deste livro

Tratado de metrificação portugueza: seguido de considerações sobre a ...

Antonio Feliciano de Castilho - 1874 - 168 páginas
...reinos lá da aurora se fizeram por armas tão subidos, vossa bandeira sempre vencedora: um Pacheco fortissimo, e os temidos Almeidas, por quem sempre...Castro forte, e outros em quem poder não teve a morte. (CAMÕES.) SONliTOS Do soneto ha varias composições; mas a mais usada entre os antigos, ea unica...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas de Luiz de Camões

Luís de Camões - 1874 - 388 páginas
...fizeram por armas rao subidos, Vossa bandeira sempre vencedora: Um Pacheco fortissimo e os temidos 6 Almeidas, por quem sempre o Tejo chora: Albuquerque terribil, Castro forte, E outros em quem poder nao teve a morte. XI. 1. I Mse communs façanhas. 2. Fantasticas (B) 5. tammanhas iM). 7. Rodamonte...
Visualização integral - Acerca deste livro

Os Lusiadas, Volumes 1-2

Luís de Camões - 1881 - 326 páginas
...por quem scíiipre o Tejo chora, Albuqiu-niue o terrihii. Castro forte, E outros, em quem pmleiMiãii teve a morte. xv E em quanto eu estes canto, ea vós não posso, Sublime Hei. que J\M> me atre.vo a tanjUi, Toniiti as iVileas vós do reino vo^so : .i;.il'l Dareis matéria...
Visualização integral - Acerca deste livro




  1. A minha biblioteca
  2. Ajuda
  3. Pesquisa de livros avançada
  4. Transferir ePub
  5. Transferir PDF